Dieta para emagrecer, implementada de forma responsável, com o objectivo de perder peso e atingir o peso ideal. Dieta para emagrecer de modo rápido, saudável, dieta da sopa, tudo o que diz respeito às formas de perder peso. Tentamos compilar aqui todas as informações relevantes.


quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Dieta para emagrecer ou perder peso, superar as dietas de verão

Cada vez mais, as questões alimentares estão na ordem do dia, presentes em todos os meios de comunicação (de uma forma mais expressiva com a chegada do sol e do tempo quente!).
Infelizmente nem toda a informação é sempre a mais correcta, o que contribui para uma confusão generalizada sobre o que realmente se sabe sobre alimentação saudável, peso e composição corporal. Por essa razão, é essencial perceber o que estamos a avaliar quando nos pesamos, para que o dia-a-dia não se torne numa batalha contra a balança.
Assim, o peso representa a soma de tudo que é colocado em cima da balança – gordura, músculos, órgãos, esqueleto, água, o que comemos e bebemos nas últimas horas, etc.
Isoladamente, não nos diz muito sobre a quantidade de gordura presente no corpo. Por esse motivo, não é correcto afirmar que todas as pessoas com uma determinada idade e estatura tenham obrigatoriamente de pesar o mesmo – mais músculo, mais água, um esqueleto mais denso, significa um peso mais elevado.
O conceito de emagrecer significa diminuir a quantidade de gordura corporal no organismo, o que pode corresponder ou não a uma diminuição do peso na balança - por exemplo - quem inicia a prática de exercício físico, pode aumentar a massa muscular e a quantidade de água no corpo mais rapidamente do que perde gordura, aumentando o peso ao mesmo tempo que emagrece! (esta diferença pode ser avaliada com a realização de um exame de bioimpedância, capaz de avaliar o aumento do músculo em relação à gordura, em oposição à balança – ver figura).
Ignorar esta realidade pode conduzir a tentativas descontroladas para perder peso a todo o custo, com recurso às tais “dietas de Verão” muito restritivas e desequilibradas, geralmente associadas a medicamentos, suplementos ou outros produtos designados “naturais”. Estes produtos, regra geral, servem apenas para disfarçar a fome, que não é mais do que um mecanismo fisiológico que alerta o organismo para se abastecer em energia e nutrientes, para que consiga sobreviver e funcionar nas melhores condições - passar fome é sinónimo de desequilíbrio e prejuízo para a Saúde!
Conseguir emagrecer de uma forma saudável, significa reduzir os períodos de jejum, fazendo várias refeições diárias, dosear correctamente a energia ingerida de acordo com o consumo energético do organismo e agrupar os alimentos de acordo com as suas características funcionais.
Só com um plano alimentar personalizado, construído em função de cada pessoa, é possível contemplar todos os factores que interferem na selecção dos alimentos (horários, gostos individuais, locais onde são feitas as refeições e disponibilidade dos alimentos), bem como a idade, o peso, a estatura, a actividade física e as características fisiológicas de cada pessoa.
Neste contexto, ser saudável significa adoptar novos hábitos alimentares, praticar exercício físico e libertar-se definitivamente das dietas, restrições e oscilações de peso – e fazê-lo durante todo o ano, não só no Verão!
 
Sabe quais as dietas mais populares? Conheça-as:
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL