Dieta para emagrecer, implementada de forma responsável, com o objectivo de perder peso e atingir o peso ideal. Dieta para emagrecer de modo rápido, saudável, dieta da sopa, tudo o que diz respeito às formas de perder peso. Tentamos compilar aqui todas as informações relevantes.


domingo, 27 de março de 2011

Dieta dos carboidratos

I
Inventada pelo médico americano Dr. Robert Atkins, ficou conhecida como “A Dieta dos Carboidratos”, uma forma bastante pratica de emagrecer que causa espanto entre as pessoas. A proposta desta Dieta que é emagrecer e manter o peso, comendo proteínas à vontade mas, em contrapartida, deve-se cortar os carboidratos do cardápio.
Esta é sem dúvida uma forma radical de se perder peso, e que é seguida até por muitas pessoas. Observe que no nosso organismo nós temos uma glândula que se chama “CETÔNICO” que é diurético, laxante, relaxante. Ao iniciar esta Dieta você vai sentir fome e sempre que isto acontecer, coma à vontade mas nada que tenha carboidratos, porque após 48hs, esta glândula começa a armazenar todas as gorduras ingeridas e aí começa a funcionar.

Caso você queira medir o nível do seu Cetônico, compre em uma farmácia o teste que vem com um bastão especial para colocar na urina, o qual ficará escuro, quanto mais escuro maior é a garantia de emagrecimento, podendo perder até 5kg por semana.

Para simplificar o esquema para você e poder entender melhor o que pode ou não consumir na Dieta dos Carboidratos. Vejam alguns alimentos que podem ou não ser consumidos:

ALIMENTOS PERMITIDOS

VERDURAS E LEGUMES: repolho, alface, tomate, vagem, couve-flor, couve, quiabo, brócolos, pimenta, cebola, pepino, abóbora, limão Taiti, nabo, beringela, azeitona, pimentão e salsa, coma tudo à vontade.

BEBIDAS: café sem açúcar, chá-mate sem açúcar, chá de ervas sem açúcar, refrigerantes Diet e Light, beba tudo a vontade.

ALIMENTOS FONTES DE PROTEÍNAS: Carnes em geral, lingüiça de porco, queijo todos os tipos, presunto gordo, peixes, aves, ovos, etc…

ALIMENTOS FONTES DE GORDURAS: Azeite, margarina, toucinho, banha, manteiga, nozes, castanha, bacon, maionese, creme de leite, etc…

SOBREMESAS, FRUTAS: Laranja, maçã, abacaxi, mamão, pêra e galatinas dietéticas (adocil ou gold), não tem carboidratos.

APÓS 15 DIAS PODE COMER: melão, melancia, abacate, manga e outras.

ALIMENTOS PROIBIDOS

NÃO COMER: Alimentos Fontes de Carboidratos, são eles:

MASSAS = MACARRÃO, PÃES E BOLACHAS;

CEREAIS = ARROZ, FEIJÃO, CEREAIS MATINAIS;

TODOS OS TIPOS DE FARINÁCEOS = MILHO, BATATA, MANDIOQUINHA, AVEIA, ERVILHAS, LENTILHAS, MANDIOCA, CENOURA.

OUTROS = SAGÚ, APRESUNTADO, TODDY, NESCAU, KIBE, SALAME, COXINHAS E TUDO QUANTO É DOCE E FRUTAS EM CONSERVA, IOGURTES E ETC…

No entanto sabemos que a qualidade da gordura que é consumida é muito importante para a saúde das artérias. Por exemplo, gordura de origem vegetal não possui colesterol, enquanto que a gordura animal é fonte de colesterol. Então, como a Dieta dos Carboidratos administra estas informações? Neste esquema alimentar tanto faz consumir alimentos ricos em colesterol ou não.

VARIAÇÃO:FAZENDO A DIETA COM CARBOIDRATOS

Os carboidratos são fonte essencial de qualquer dieta saudável, mas existem muitas dúvidas acerca dos benefícios e desvantagens de uma dieta de carboidratos.

Os carboidratos só criam muita gordura se forem ingeridos em quantidades exageradas, como qualquer tipo de alimento e se não fizermos exercício físico para queimar toda essa energia. Nestes casos, há um aumento de peso à base de gordura no organismo e não um aumento de massa muscular saudável, derivado de uma dieta rica e variada, com a inclusão de carboidratos.

Os carboidratos fornecem menos calorias do que a gordura e o álcool, sendo por isso muito mais saudáveis.

No passado houve um estudo que determinava uma ligação entre as gorduras animais e doenças do coração, então criou-se a dieta baixa em gorduras e a indústria alimentar começou a produzir alimentos com baixas quantidades de fibra e altas quantidades de carboidratos, sendo que esses carboidratos eram todos refinados, o que significa que foram removidas as fibras naturais. Com o crescimento da obesidade, relacionou-se este fenómeno com a dieta baixa em gorduras e alta em carboidratos. Foi então criada a Dieta Atkins, com baixas quantidades de carboidratos. No entanto esta dieta assumia todos os carboidratos como sendo refinados, o que não deverá acontecer numa dieta equilibrada.

Actualmente, os carboidratos são reconhecidos como uma parte fundamental de controlo de peso e alimentação saudável. O excesso de consumo de carboidratos refinados (normalmente com farinha branca) traz riscos de desordens no metabolismo, riscos esses relacionados com a obesidade.

Por isso, é importante referirmos que nem todos os carboidratos são maus, apenas os carboidratos refinados são menos saudáveis. Devemos continuar a consumir entre 50% a 55% de calorias provenientes de carboidratos.

Os carboidratos existem essencialmente para fornecer energia ao corpo humano e dividem-se em dois tipos:

•Carboidratos Simples
•Carboidratos Complexos

Os carboidratos refinados devem ser limitados, por conterem menos fibras e valor nutritivo.Uma dieta de carboidratos saudáveis deve incluir bons alimentos, tais como:

•Aveia
•Cereais
•Fibras
•Arroz integral
•Pão integral
•Massas
•Leguminosas

Estes alimentos trazem uma sensação de saciedade e são bons para quem quer perder peso, mas também para quem quer aumentar a massa muscular de forma natural.

Os bons alimentos de carboidratos são muito ricos em fibra, produzindo uma baixa no nível de colesterol no sangue. As frutas e os vegetais são particularmente ricos em fibras, por isso devemos comer pelo menos cinco porções destes alimentos diariamente.

Carboidratos e evitar:

Os carboidratos processados aparecem em alimentos como bolos, doces, bebidas gaseificadas, gelados, etc. O mais processado de todos é o açúcar branco, mas qualquer um destes alimentos deve ser eliminado o mais possível de uma dieta saudável.

Como se vê, uma dieta de carboidratos não é uma dieta que engorde de forma errada. Existem sim, alimentos à base de carboidratos refinados que são muito menos nutritivos e que prejudicam a saúde, quando ingeridos em excesso.

Antes de qualquer exercício, consulte seu medico ou um profissional da area medica e desportiva. Antes de qualquer dieta consulte um Nutricionista.
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL